Po de diamante

Fábricas são classes onde itens domésticos comuns são feitos a partir da primeira matéria-prima, que provavelmente será usada para pedra, areia, polímeros, produtos químicos, metal e muitas outras coisas. Os números desses artigos vão em milhares ou até centenas de milhares por dia.

Durante a usinagem de todos os produtos, os resíduos são basicamente destinados a contêineres individuais, que são então esvaziados e os resíduos são descartados. No entanto, durante esse corte, por exemplo, uma laje de granito, é certo que grandes quantidades de poeira são transferidas no ar. É tão finamente moído que mesmo nossa cavidade nasal, especializada na captura de pequenas partículas de poeira, não é para permanecer em tal contaminação, e todos os dias um funcionário que executa trabalhos de produção diária inala um número significativo de tais pós. Eles podem machucá-lo diretamente, causando tosse ou uma reação alérgica, mas na maioria das vezes a poluição do corpo com poeira é observada somente após dez ou vinte anos de ação em um determinado negócio nas condições certas. Nós estamos indo para um especialista com uma doença pulmonar ou alimentar, ou algum outro, em relação ao local onde o pó atacou, e aprendemos que as doenças polonesas se apresentam precisamente com a arte em uma planta moderna.

Infelizmente, existem muitas dessas cenas, mas hoje podemos efetivamente preveni-las. Instalar sistemas de despoeiramento, ou seja, um sistema de despoeiramento em fábricas expostas aos efeitos negativos de qualquer poluição, certamente minimizará o problema. Na verdade, esse sistema é alimentado por toda a indústria, independentemente do poder da poluição. Sabe-se que nas siderúrgicas a quantidade de fumos e poeira será mais numerosa do que na fábrica de isopor, no entanto, na planta individual e na segunda, os hóspedes estão expostos a impurezas ruins, apesar de padrões diferentes em outras concentrações.

Motion FreeMotion Free Um bálsamo único para problemas nas articulações

Se somos homens de negócios e somos uma fábrica, devemos pensar no modo de despoeiramento antes que o serviço sanitário realize o atendimento aleatório e nos ordena a instalá-lo sob a ameaça de liquidar a fábrica. É claro que se aplicará aos custos de compra e montagem do sistema de filtros, ele também pode viver com os custos de modernização do salão em que é mantido. No entanto, a saúde dos funcionários é a certeza do preço pelo qual vale a pena investir, e como isso só precisamos fazer o mesmo.